Obrigado pela visita...

Poesia 2256 – Do caminho

No caminho
A pedra rolou
Me levou junto
E nunca mais parei...

Rolando, rolando,
Não crio limo
E me criticam...

No caminho
Vento me empurra
Nuvens me carregam
Sol me escurece
Chuva me molha
E o tédio não cessa...

No caminho
Pulo buracos
Evito penhascos
Contorno montanhas
Nunca canso
Nunca paro...

No caminho há sorrisos.
No caminho há carinho.
No caminho há amor.
Por isso nunca desisto...

Do caminho...


(Autor: Jorge Leite de Siqueira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário