Obrigado pela visita...

Poesia 2558 - Capitalismo

um grito
na rua:
- jorge!

eu existo!

sou gente
pessoa
tenho nome
sou sociedade.

- me empresta dez real?

sou gente
pessoa
sociedade
capitalista.
 
JORGE LEITE DE SIQUEIRA
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário