Obrigado pela visita...

Poesia 2362 – Espécime rara


 
Não sei o que faço aqui
Na Terra
Neste Planeta ridículo.
Não sei por que nasci agora
Neste século
Nesta época.

Ta tudo muito difícil de entender:
A vida profissional
A social.
Tudo.

Se eu for um ET
Sou uma péssima espécime...

JORGE LEITE DE SIQUEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário