Obrigado pela visita...

Poesia 2239 – Prazer


O prazer
Em não ter prazer
Precisa acabar...

Minha obsessão
Infantil
Recorrente
Dia a dia...

Isso precisa terminar...

Prazer
Por prazer
Em olhar nos olhos
Invadindo
Verdadeiro
Mesmo solitário
Precisa me invadir...

E direis, enfim, que sou feliz.
Bem feliz...

(Autor: Jorge Leite de Siqueira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário