Obrigado pela visita...

Poesia 83 – Brasília vermelha


Lá está ela,
Debaixo das árvores
Do nosso quintal...

A Brasília vermelha
Inteirona,
Que levei tanto tempo pra comprar
Está lá,
Linda...

Não é nova, pelo contrário,
Mas vai dar pra ir até Natal,
Tranqüilo...

Não vamos precisar pedir carona
Quando tivermos que fazer compras
Para preparar nosso artesanato...

Pra vender
Pra ir de praia em praia
Pra nossas viagens loucas
Pra tudo isso não vou usá-la...

Pra quê?
Pra perder a naturalidade da coisa
Perder o contato com a natureza?
Mas, pra ir até Natal,
Aí, sim, aí nós vamos
De Brasília...

Só vamos combinar uma coisa, tá, Shally?
Em cada viagem a gente leva três filhos
Porque não vão caber todos os treze
De uma vez só...

(Autor: Jorge Leite de Siqueira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário