Obrigado pela visita...

Poesia 2576 - Prisões

às vezes
estamos presos
em um ovo:
sem podermos andar
topando em obstáculos.

às vezes
estamos livres
no escuro:
mas
de tão escuro
estamos presos.

às vezes
a prisão
é uma gota d’água
que não conhece o rio
nem sabe do mar.

às vezes
a prisão
é nossa cabeça.
tão rica
tão oca
e tão minúscula.

e só queremos viver... 

JORGE LEITE DE SIQUEIRA
 

Nenhum comentário:

Postar um comentário