Obrigado pela visita...

Poesia 2518 - Caveira

como caveira
era perfeita.
andava por aí
zumbizando
mas
tinha uma enorme alta
(e egoísta).
ajudava todo mundo
e só se ferrava.

no dia das bruxas era perfeita
nos outros
nem tanto.

era uma caveira...

JORGE LEITE DE SIQUEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário