Obrigado pela visita...

Poesia 2468 - A dor é diferente entre eles

 
os pés
duros
- de tanto andar descalço –
não sente
o cigarro
que ela jogou.

os pés
macios
- de tantos banhos e cremes –
sente
o fio de cabelo
que caiu dele.

as lágrimas
diferentes
as dores
diferentes
os dois
diferentes.

e tão parecidos...

JORGE LEITE DE SIQUEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário