Obrigado pela visita...

Poesia 2443 - Senhora vadia



Sim, senhora vadia
você chega sorrateira
e me quer.
Passo a passo
calmamente
vem para mim
vem me buscar.

Venha, ó senhora, venha,
já estou pronto
não quero mais nada
não tenho mais o que fazer
a não ser te esperar.

Sim, senhora morte,
venha
vivo miseravelmente a te esperar...

JORGE LEITE DE SIQUEIRA

Nenhum comentário:

Postar um comentário