Obrigado pela visita...

Poesia 2723 - O meu Deus


deus!
é incrível acreditar em deus!
incrível!

crer
em um livro
escrito por homens
criando um ser invisível e presente.

eu queria acreditar!
juro!
como queria!

mas não consigo...

gostaria
de ter
em quem colocar a culpa
de meus fracassos
mas não consigo...

gostaria
de fechar os olhos
e rezar
acreditando
que alguém me protege
que alguém me testa
que alguém me cura
mas não consigo...

gostaria
de culpar alguém
por matar
por machucar
por sangrar
por acidentar
as pessoas que amo
mas não consigo...

gostaria
ah, como gostaria,
de ganhar e ter alguém para agradecer
de perder e ter alguém pra culpar
mas não consigo...

gostaria
de entender
que quando eu perder
foi porque eu não merecia
que eu preciso ser melhor
que eu preciso amar mais
que eu preciso perdoar mais
mas não consigo...

gostaria
de entender
as doenças
as guerras
as drogas
as brigas
as coisas ruins em pessoas boas
mas não consigo...

gostaria
de entender
por que
os bons morrem cedo
ou apenas morrem
mas não consigo...

gostaria de entender
a seca matando inocentes
a chuva matando inocentes
mas não consigo...

gostaria
de entender
a fome de alguns
o excesso
de poucos;
o baixo salário de pessoas boas
e a corrupção de pessoas más
mas não consigo...

gostaria
de entender
as diferenças
as cercas
os muros
as fronteiras
as roupas
os carros
as casas
a conta bancária
tão desiguais
tão desproporcionais
mas não consigo...

por quê?
por que não ter alguém para culpar
por tantas desgraças?

eu sou um idiota!
um ateu idiota!
ridiculamente idiota!

e por isso eu durmo mal
porque eu culpo de tudo
das escolhas erradas que fiz
das minhas derrotas
da minha incapacidade.

eu me culpo
pelo emprego
pelo aluguel
pela moto
pela roupa barata
ou, simplesmente,
pela falta disso tudo.

eu sou culpado!
confesso!
sou pobre e infeliz
por causa de minhas escolhas
de minhas decisões
ou, pior ainda,
tudo por causa de mim...

é.
sou um ateu idiota.

mas eu sou o meu deus...



jorge leite de siqueira

Nenhum comentário:

Postar um comentário